Troca de livros 2018

De março a novembro de 2018, sempre das 10h às 16h, dez edições da 
Feira de Troca de Livros e Gibis acontecerão nos parques:
(fonte: http://www.prefeitura.sp.gov.br)
25 de março
Parque Buenos Aires
29 de abril
Parque do Piqueri
27 de maio
Parque Raul Seixas
24 de junho
Parque do Povo 
Mário Pimenta Camargo
29 de julho
Parque da Aclimação

26 de agosto
Parque do Carmo
30 de setembro
Parque Independência
21 de outubro
Parque Severo Gomes

7, 8 e 9 de novembro - a confirmar
Festival do Livro e da Literatura de São Miguel

25 de novembro
Parque Ibirapuera

Além do azul do céu - Nora Roberts

Comprei esse livro no metrô, na máquina que vende livro dentro no metrô na cidade de São Paulo. Facilita aguentar as viagens super longas e dentro dos túneis não tem nada para ficar admirando nas janelas, então melhor a fazer é ler. 
Li e assisti histórias de romances de um passado e vão para o futuro, mas nesse livro é o contrário. Caleb sai do futuro e vem para ser o presente de Liberty. Conclusão: Libby tem seu presente para o Caleb, e Caleb tem o futuro para Libby. Li até a última página imaginando como seria o final, e foi um final que só aparece no último parágrafo.   Ouvi a música do Sting - Every Breath You Take , e o refrão me fez lembrar a necessidade que Caleb aprendeu a sentir depois que conheceu Libby.  Resumo da contracapa: Caleb Hornblower precisava voltar para o século XXIII, ao qual pertencia. Porém, esse não era o seu maior problema. Desde que ficara preso no século XX, fora acolhido pela encantadora antropóloga Libby Stone, e seu coração se tornara parte daquele espaço e daquele tempo. Mesmo pertencendo ao futuro, seria Caleb capaz de abandonar Libby e deixar o passado no seu devido lugar?

Arrebatado pelo Mar

"Estava a andar pelo bairro, o meu livro me chamou, pra ver sua história passar e ficar feliz outra vez..."
Passei na frente de um sebo pertinho da minha casa e na primeira prateleira estava o meu primeiro livro lido a muitos anos atrás, quando ainda existia a biblioteca do metrô. Acho que já passaram quase dez anos que eu li esse e o restante da quadrilogia.  Naquele tempo eu não comprava livros, só lia os emprestados da biblioteca do metrô porque no metrô é fácil ter tempo de ler livros. Eu peguei emprestado o segundo livro da série, depois o terceiro, depois o primeiro e por último o quarto livro. Amei ler assim, tudo fora de ordem. Por anos, eu pesquisei para comprar, mas são muito caros os livros da Nora Roberts... e quando eu vi esse por quinze reais no sebo do bairro, tive que comprar porque a história é uma das favoritas que eu guardarei com carinho para sempre na minha memória e agora na minha estante.

Feira troca livros 2017

Calendário das feiras para troca de livros nos parque de São Paulo capital

12 de março - Parque Buenos Aires

30 de abril - Parque Cidade de Toronto

28 de maio - Parque do Piqueri

24 de junho - UNIBES Cultural

30 de julho - Parque da Aclimação

27 de agosto - Parque do Carmo

24 de setembro - Parque Independência
               
29 de outubro (sujeito a alteração) - Museu MASP - Vão Livre

26 de novembro - Parque Ibirapuera Portão 7 – Próximo ao Viveiro Manequinho Lopes – ao lado do Bosque da Leitura - Vila Mariana

http://www.prefeitura.sp.gov.br/cidade/secretarias/cultura/bibliotecas/servico_de_extensao_csmb/index.php?p=19764

Indomável Rafe - Suzanne Enoch

 Esse livro eu comprei na banca de jornal, mas a banca que eu comprei vende revistas e livros usados. Romance histórico, da editora nova cultura, autora conhecida de outras leituras, vi a capa e o resumo da história então levei mas não li muito rápido não... eu demorei e muito.
Ontem fiquei no sofá, com a televisão ligada porque meu marido estava assistindo, enquanto eu lia a parte final do livro que ficou mais interessante depois que Rafe e  Felicity pediram ajuda para enfrentar o amor que sentiam. Rafe pediu ajuda para sua família distante, mas a família não aceitou dar o dinheiro e ir embora, o irmão e o pai apareceram na casa, talvez para terem certeza que Rafe estava realmente fazendo algo consistente e benéfico para alguém como Felicity, uma mulher prática, corajosa e espontânea.
Rafe desistiu de ir para China, por causa de tudo o que aos poucos conquistou com grande esforço e insitência, pouco dinheiro mas muito amor por alguém que conheceu com conversas, trocas de olhares e pouquinhos beijinhos...
Felicity desistiu de sumir no mundo junto com a sua irmã May, para ficar no lugar que ela sempre amou e com quem ela aprendeu a amar.
Permanecer no lugar onde nasci, estava complicado... até eu conhecer meu marido. Hoje percebo que estar com ele  e faze-lo feliz é mais importante. Aprender a amar é todos os dias uma tarefa difícil e complicada. Mas a recompensa é ver eu mesma diferente, capaz e inteligente.
Felicity e Rafe perceberam isso. Rafe viu sua casa, construiu os cômodos e se sentia bem em pensar que queria estar alí todos os dias para sempre com Felicity...  e sua irmã e amiga May.

Sonhos de Bárbara Delinsky

Faz muito tempo que comecei a ler esse livro, mas não demorei tanto por conta da história que na verdade são três.  Demorei por que esquecia de ler , algo que gosto tanto de fazer mas não fiz. Estranha essa mania de não fazer o que gostamos😜.  O livro é muito interessante, com 3 casais principais e o personagem principal é a  mansão que passava por reformas enquanto os romances surgiam. A última história foi a minha favorita...até chorei😢.

BIENAL 2016

Ainda não pesquisei muito sobre a bienal desse ano. Depois de tantas vezes ir na bienal, parece que a próxima não será melhor que a anterior... mas isso não é verdade. Eu gosto de ler, de ver o livro, de abrir, de cheirar, de acariciar a capa... enfim, ir na bienal mais uma vez não será igual as outras.